0

Dieta Paleo: Aplique os Princípios Básicos e Emagreça!

Dieta Paleo: Aplique os Princípios Básicos e Emagreça!

dieta paleo

A dieta paleo é uma das dietas mais famosinhas no mundo do emagrecimento. Se você já tentou outras dietas e programas como a Dukan, Atkins, South Beach e Vigilantes do Peso (ver post), e não conseguiu resultados tão duradouros, de repente a dieta paleo pode ser uma opção para você. E melhor ainda, caso você não queira incorporar to-o-o-dos os princípios da dieta paleo em sua vida, saiba que só de adotar alguns já é possível diminuir alguns números do manequim. E como assunto de dieta é coisa séria, convidei a minha nutri Stella Jacob CRN-21661, para fazer este guest post e nos ensinar os princípios básicos dessa linha da nutrição.


Por Stella Jacob

A dieta paleo, ou paleolítica, se baseia na dieta de nossos antepassados caçadores. Ela inclui alimentos integrais, não processados, que são encontrados na natureza, ou seja, exclui a grande parte dos alimentos industrializados que temos hoje à nossa disposição. Nossos ancestrais prosperaram comendo tais alimentos e estavam livres de doenças como obesidade, diabetes e doenças cardíacas. Vários estudos sugerem que a dieta paleo pode levar a perda de peso significativa e melhoras na saúde de forma geral.

dieta paleo

O mecanismo principal da dieta paleo é levar a redução do peso, através da redução do consumo de carboidratos refinados. Esses carboidratos consistem em pães, massas e arroz e derivados os quais são digeridos muito rápido pelo nosso organismo, promovendo o aumento nos níveis de glicose na corrente sanguínea. Esse aumento eleva rapidamente os níveis de insulina, e consequentemente, aumenta o acúmulo de gordura corporal. Além disso, a dieta paleo não conta com alimentos industrializados, os quais em geral são inflamatórios para o corpo. Por isso, somente com a simples redução no consumo desses alimentos, a perda de gordura já se torna ABSURDAMENTE mais fácil.

Já os carboidratos industrializados estão vetados, mesmo os DITOS INTEGRAIS. A maioria dos alimentos industrializados possuem carboidratos refinados como farinha e açúcar branco na composição, sendo considerados alimentos de alto índice glicêmico, e com baixo teor de fibras, ou seja, quando ingeridos, estes alimentos são rapidamente absorvidos pelo organismo e convertidos em gordura corporal, leia-se: pneuzinhos, culotes e qualquer saliência que te incomode rs.  

dieta paleo

Além disso, a grande quantidade de compostos químicos presentes nesses produtos, como corantes, conservantes e estabilizantes, tem o poder de intoxicar nosso corpo e podem até causar alergias. E isso vale também para as bebidas industrializadas. Hidrate-se sempre com água e evite refrigerantes, mesmo os diets. A dieta paleo prega ainda o jejum intermitente (ver post), provavelmente inspirado na dificuldade que os homens do período Paleolítico tinham de encontrar comida todos os dias.

Dieta Paleo: Alimentos Evitados e/ou Excluídos:

Grupo #1: Alimentos industrializados e processados, açúcar refinado, refrigerantes e grãos: incluindo pães e massas, trigo, centeio, cevada, entre outros. Grupo #2: Leguminosas, laticínios, óleos vegetais (TODOS ESSES: óleo de soja, óleo de girassol, óleo de semente de algodão, óleo de milho, óleo de semente de uva, óleo de cártamo e outros). Grupo #3: Gorduras trans ou hidrogenadas: encontrado em margarina, sorvetes e vários alimentos processados. Adoçantes Artificiais: Aspartame, Sucralose, Ciclamatos, Sacarina, entre outros.

Dieta Paleo: Alimentos Permitidos:

Grupo #1: Carnes, Peixes & Ovos: Carne, cordeiro, frango, peru, carne de porco, peixes e frutos do mar: (tais como truta, arinca, camarão, marisco, etc) e ovos. Grupo #2: Legumes, verduras, frutas, castanhas e Sementes: amêndoas, nozes, sementes de girassol, sementes de abóbora. Grupo #3: Gorduras e óleos saudáveis: óleo de coco, azeite, abacate. Especiarias: alho, açafrão, alecrim, manjericão.

dieta paleo

Atualmente, existem algumas “versões” diferentes da dieta paleo. Muitas delas permitem alguns alimentos modernos que a ciência mostrou serem saudáveis. Isso inclui bacon de qualidade e manteiga. Outros alimentos, quando em pequenas quantidades, também são perfeitamente saudáveis como o vinho tinto e chocolate amargo. Quando se trata de hidratação, a água deve ser a principal fonte, mas chás e cafés sem adoçante também são aceitos.

Por ser baseada em alimentos de verdade, a dieta paleo é saudável e indicada, mas sempre com a orientação de um profissional. Como ela não foca sua atenção na quantidade de calorias, mas sim na qualidade dos alimentos, não precisamos comer menos, apenas precisamos comer certo. Esse texto te ajudou? Então, não deixe de compartilhar com amigos e nos acompanhar no Instagram para ficar por dentro das últimas novidades! Beijos até a próxima!

 

 

 

 

Créditos de imagem: google images

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *