7

Dieta no Fim de Semana: Será que dá?

Bate-papo com a nutricionista Stella Jacob – CRN 21661

Dieta no Fim de Semana: Será que dá?

Fazer dieta no fim de semana parece tortura para aqueles que estão tentando emagrecer, por isso, aprender truques para vencer esse período de três dias é crucial para não por a perder os resultados que você arduamente vem conquistando. Nesse sentido, eu Amanda Hilsen, dou a palavra à uma pessoa querida que vem me ajudando muito nessa caminhada: minha nutri Stella Jacob (ver perfil). 


Dieta no Fim de Semana 

Por Stella Jacob

Quantos de vocês têm que lidar com a seguinte situação: Você segue a dieta a semana toda – de segunda à quinta-feira, e aí na sexta já começam os convites para almoçar em um lugar diferente ou ir para um happy hour da empresa? Isso é muito comum, afinal, é um hábito socializar, relaxar ou comemorar alguma ocasião com comida e bebida. E sim, TODOS nós gostamos de algo que a nutri não colocou na dieta. E isso não é errado. Por isso, se você foi ao nutricionista e vai iniciar um processo de reeducação alimentar, não precisa achar que sua vida social acabou e que terá que deixar de comer tudo que gosta para sempre.

É lógico que alguns esforços são necessários para chegar ao seu objetivo. Por exemplo, eu geralmente libero uma refeição livre por semana (truque #1) para meus pacientes para eventos sociais, jantares com os amigos, ou apenas para comer algo que goste muito e que não está na dieta. Fazer isso ajuda a tornar esse processo mais prazeroso. Além dessa dica, lhe darei dois outros truques para que a dieta no fim de semana não seja um sofrimento e para que você não coloque todos os seus esforços da semana a perder.

dieta no fim de semana

Truque #2 Programe os 3 dias de dieta no fim de semana 

Então, vamos lá! Você recebeu o convite para ir almoçar em um lugar que a sobremesa é incrível. Nessa hora, pare, pense e desenvolva o hábito de se programar. "Quais eventos tenho esse final de semana?" Se você tiver uma festa de casamento no sábado por exemplo, ou uma pizza na casa de amigos, não saia da dieta na sexta-feira, pois você já sabe o que terá pela frente no sábado. Caso não tenha nada programado, então pense "o que estou com vontade de comer e não está na dieta?". É a sobremesa? São os drinks do Happy Hour?

Faça sua escolha e então aproveite! Escolha esse momento para comer as coisas que gosta, porém não precisa comer exageradamente, afinal essa não será a última vez que você vai comer tais alimentos. Mas coma! E aproveite esse momento para conversar com quem quer que esteja fazendo aquela refeição com você, degustar a comida, e não apenas comer, comer, comer sem nem sequer prestar atenção no que comeu, apenas por que está "liberado". E na refeição seguinte, simplesmente volte para sua dieta normalmente.

Truque #3 Escolha SEMPRE a opção mais saudável 

E se você foi convidado para ir em uma hamburgueria ou restaurante italiano? Calma! Hoje em dia praticamente todos os restaurantes têm alguma opção saudável. Talvez não exatamente o que está na sua dieta, mas sempre existe algo que dá para comer. Nessa hora você escolhe o que está mais de acordo. Mesmo que seja uma salada que venha com um pouco de queijo ou uma massa integral. Sendo assim, dispense o couvert e a sobremesa já que irá comer uma massa, ou se todo mundo na mesa quiser pedir uma entrada, compense no prato principal comendo uma salada, um carpaccio ou um peixe. 

Fazer trocas, compensar e contrabalancear o gasto calório nos leva ao o famoso EQUILÍBRIO! Ele é a palavra-chave para não "descambar" e voltar a engordar tudo de novo no fim de semana e na vida. Quando você passa a enxergar o alimento como um prazer (sejam eles mais ou menos saudáveis) e não como seu inimigo, fica muito mais fácil praticar essa palavrinha que parece ser um desafio!


Relato de Ex-Gordinha

Por Amanda Hilsen

Quem me acompanha por aqui, sabe que percorri um longo caminho para chegar onde estou (ver post), porém não preciso nem dizer que seguir a dieta no fim de semana era meu maior desafio. Eu sempre começava a segunda-feira com 2 quilos a mais e daí passava a semana correndo atrás do prejuízo. Sempre! Me levou quase dois anos para quebrar esse hábito. Minha dieta no fim de semana era inexistente, pois cometia um exagero atrás do outro. Nem preciso dizer que na segunda de manhã ao subir na balança a frustração era completa.  

Ainda hoje sofro com a dieta no fim de semana, porém aprendi bem D-E-V-A-G-A-R a incorporar os truques que Stella nos passou. Às vezes quando bate a TPM ou um leve descontrole ainda exagero nas porções, no entanto, tenho conseguido reduzir o estrago e engordar cada vez menos. Por isso, pense nesses três truques e adote um de cada vez, mas adote com TODO seu empenho. Você conseguirá ver em pouco tempo os ganhos em segui-los. 


Bem é isso! São três truques que podem ser traduzidos literalmente em quilos à menos na segunda-feira. Espero que a contribuição da nutri tenha lhe ajudado a pensar em formas de organizar bem sua dieta no fim de semana. Agora, use esse espaço e nos conte qual é sua principal tentação e/ou desafio para seguir a dieta no fim de semana? Aguardamos seus comentário!

Beijo grande e até à próxima!

Gostou deste texto? Compartilhe-o com amigos! yes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Crédito de imagens: google images e arquivo pessoal

7 Comments

  1. Eu também sou assim: alimentação saudável de segunda a sexta, mas no fim de semana…

    Tenho aprendido a me programar, tipo se quero sair com os amigos à noite, economizo as calorias no almoço. Ah, e não deixo a atividade física aos fins de semana, pelo contrário, saio com o maridão pra uma corrida ou passeio de bike, coisas que não dá pra fazer durante a semana!

    • Olá Renata querida!! Que valioso seu relato. Muitas mulheres acabam achando que é “perengue” somente para elas conseguir passar o findi sem causar estragos. Sabe que muito do que você falou eu também procuro compensar e isso ajuda a evitar o fiasco total. Suas dicas serão de grande valia! Beijos amiga!! 😉

  2. Olá. Vou tentar seguir algumas dessas dicas, porque sempre me arrependo da quantidade de comida que como e depois fico sempre com peso na consciência. bjos

    • Olá Paula! Perder o foco no fds é a coisa mais comum de acontecer com todas nós…o jeito é tentar sempre incorporar novas estratégias para não minar o progresso que a gente conquista a duras penas. Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *