18

Corrida para Secar e se Superar

Corrida & Emagrecimento

Corrida Para Secar e Se Superar

corrida

Faz corrida que emagrece! Quantas vezes você já ouviu isso? Eu, pelo menos umas mil vezes. Confesso que entrei no mundo da corrida seduzida pela promessa de enxugar os quilinhos extras. Afinal alguém já viu algum corredor, ainda que amador, com sobrepeso? Eu nunca vi. No entanto, o que me surpreendeu mesmo foi que após algumas semanas de treino o "esporte" em si me encantou de tal maneira que o foco de "secar" ficou em segundo plano. Agora o mais engraçado é que…pensem em uma pessoa que O-D-I-A-V-A correr? Eu, mesma! Prazer, Amanda! 

Na escola, eu odiava ter que dar aquelas corridas em volta da quadra, e na idade adulta, a esteira para mim era só para fazer caminhada mesmo. Eu era daquelas pessoas que você podia "largar na esteira" que eu ficava lá fácil 50 minutos…andando. Até escrevi um artigo sobre os benefícios da caminhada de 30 minutos (ver artigo) de tanto que amava C-A-M-I-N-H-A-R. Tenho plena convição que a caminhada é muito positiva para a saúde e sei que para aqueles que estão com sobrepeso, o ideal é que se comece mesmo caminhando e não correndo. Mas se você já está no seu peso ideal e gostaria de dar um passo adiante, acho que meu texto pode te contagiar. Vamos lá.     


De Ex-gordinha para Corredora Amadora

Hoje vejo que muitas pessoas não se aventuram no mundo da corrida porque elas "acreditam" que não tenham aptidão física para tal. Além disso, os pensamentos de "Putz, não vou conseguir correr 5km sem parar" são constantes. Muitas pessoas acham que correr é para os fortes ou para alguns poucos iluminados. Bobagem! O que ninguém te contou é que correr é para todos, sim! Sério mesmo! Você precisa apenas de 3 ingredientes: paciência com seu corpo, um professor para te orientar, e um par de tênis. 

Eu comecei a correr quando já estava por volta de 60kg. Não estava mais com sobrepeso então me sentia segura para começar. Inicialmente fazia na esteira 1 minuto correndo e 4 minutos andando, e tenho plena ciência que quando comecei, esse era o minuto mais longo da minha vida. Outra coisa, entenda também que isso não é receita de bolo, e nem de longe eu quero fazer o papel de um professor de educação física e passar um plano de treino. Meu relato é apenas para te mostrar que se eu consegui, você também consegue!

corrida

Comecei assim, exatamente como narrei. Daí na semana seguinte, aumentei 2 minutos correndo e 4 andando, e assim sucessivamente. Semana após semana fui progredindo, e finalmente fui capaz de completar 5 minutos correndo sem parar. Esse dia foi mágico! Eram apenas 5 minutos, mas os 5 minutos mais decisivos da minha vida! Foram eles que me mostraram que se eu podia correr 5 minutos, eu poderia chegar a correr 50, se assim eu quisesse. E é aí que a coisa na corrida começa a ficar legal. 

Em janeiro de 2016, um amigo me mostrou um aplicativo chamado Nike Run que instalei para começar a monitorar os passos iniciais dessa jornada. O aplicativo é mara! Foi amor à primeira instalada! Comecei correndo 2km por semana, isso mesmo apenas 2km. Nessa época ainda precisava ajustar muito a velocidade para eu aguentar a corrida e monitorava toda a hora minha frequência cardíaca para ver se eu não ia infartar rs. (veja o artigo). No Nike Run descobri que vários amigos meus do Facebook também corriam e comecei a me inspirar neles para desbravar novas distâncias. A inspiração ajudou tanto que hoje chego a correr 40km em uma semana. #vitoriosa


Experimente uma de Corrida de Rua

Comecei a correr em julho de 2015 nesse ritmo que narrei acima (1×4), e em outubro de 2015 tomei coragem e me inscrevi na corrida de 5km do Mcdonalds (foto acima). Confesso que deu um medo tão grande um dia antes da prova. Uma coisa era correr na esteira, outra era correr na rua na frente de todo mundo. Eu pensava: E se eu falhar? E se eu não conseguir? E se eu cair no chão? E se eu torcer o pé? E se eu… o medo é fogo! Paralisa a gente!

Arrastei uma amiga para ir comigo na corrida. Ela também não era corredora, então fomos, as duas novatas…sem saber o que iria acontecer. Fiz a prova de 5km em 38:28. Eu NÃO corri o tempo inteiro! Eu andei pelo menos umas três vezes. Era minha primeira corrida, poxa! Mas eu não cai, não torci o pé, e ninguém ficou me olhando toda vez que eu precisava parar, pois os corredores, no geral, tem um respeito muito grande uns com os outros Eles são uma "tribo" do bem. Eles nos estimulam, nos dão gritos de encorajamento e dividem com você aquele percurso a ser desbravado. É uma vibe que contagia! Sempre posto fotos dessas aventuras no meu Instagram (ver Insta)

corrida

Quando a linha de chegada foi se aproximando eu senti um negócio. É uma emoção muito grande cruzá-la. Toda vez que eu a cruzo, sinto a mesma coisa. Dá um orgulho tão grande. Um senso de: Eu consegui! E isso, meu…não tem preço. É pura injeção de auto-estima! 


Dê um passo adiante!

Gostei tanto da primeira experiência, que me propus a correr duas provas de corrida ao mês. Foi uma das coisas mais legais que fiz por mim mesmo. A maioria das provas que corro são ainda de 5km, mas já cheguei a correr 16km no parque. Chorei muito nesse dia. Se superar é algo que não tem palavras. É a vitória de uma batalha mental, pois sua mente fica te dizendo que você não consegue e daí você vai lá e a manda calar a boca dizendo, "Ah, eu posso!". 

E aprender a domar os gigantes que te assustam é um dos primeiros passos do sucesso pessoal. E a corrida te ensina isso. Aliás a corrida te ensina uma porção de coisas. Você deve estar se perguntando se eu "sequei" os quilos extras. Te respondo que hoje eu preciso é me cuidar para não emagrecer demais já que a corrida seca mesmo! Mas o que realmente importa é saber que a menina que um dia ANDOU na sua primeira prova de corrida, hoje CORRE nos 5km, mas ainda nem de longe fazendo o tempo de corredores mais experientes. 

Mas era justamente aí que eu queria chegar: Quem disse que você deve comparar o seu tempo ao dos outros corredores? Na corrida é o seu recorde que importa! É ele que você quebra, assim como seus paradigmas e medos! Aliás, aproveite e quebre tudo o que te amedronta e parta…CORRENDO… em busca dos seus sonhos! 

Te vejo na largada! Beijo grande e até a próxima! 

Você gostou deste texto? Então curta ou compartilhe! yes

Assinatura Amanda

 

18 Comments

  1. Oi Amanda!
    Amei seu texto! Sou mega sedentária… mas posso dizer que seu texto me deu uma injeção de ânimo incrível.
    Obrigada por compartilhar suas experiências 🙂
    Abraços!
    Obs: Sou amiga da sua maninha e seus pais (Ribeirão Preto/SP)

     

    • Olá Daniela! Fico muito feliz que o texto tenha lhe dado injeção de ânimo. A função dele é exatamente essa! Gosto de motivar mulheres a começar…pois gente para nos desmotivar não nos falta. Bora comprar um par de tênis e ir correr! Depois me conte seus progressos!! Eu sei quem você é sim!! Fiquei muito feliz em receber sua visita por aqui! Beijo enorme!! 😉

    • Olá Andréia! Acho que o maior desafio dos dias de hoje é encaixar o exercício como algo prioritário em nossa agenda! Mas te digo, vale a pena! Bjos!!

  2. Ameei Amanda! Estou procurando motivação para começar a correr e seu artigo me inspirou bastante. Beijos

    • Olá Raquel! Fico muito feliz em saber disso! Essa semana uma leitora me mandou um inbox da primeira provinha que ela correu. Disse que se inspirou no artigo e aos poucos foi incorporando a corrida na sua rotina. Torço para que logo você comece suas provinhas também!! Beijos!!!

    • Olá!! Fico muito feliz que o artigo possa ajudar animar aqueles que gostaria de se iniciar na corrida! Abs!

  3. Oieeeeee, esse é um dos meus objetivos para o próximo ano!!! Adorei o seu texto como sempre arrasando

    • Olá Lúcia!! Fico muito feliz que tenha gostado e que tenha se animado com a corrida!! Espero que seu 2017 seja repleto de realizações! Beijo grande!

  4. Ai que delícia ler esse texto hoje! Sou essa que começa e vai indo de 1min pra 3min, pra 5, já cheguei no 8min de corrida direto mas acabo desanimando e voltando pra caminhada (que também amo). Você me inspirou muito, juro que vou recomeçar a corrida progressivamente e dessa vez NÂO PARAR mais rsrsrs.. Obrigada! 🙂

    • Olá Clarisse! Não desanime…senão você terá sempre que recomeçar! Fico muito muito muito feliz que o texto tenha lhe inspirado, porque gosto de escrevê-los exatamente por isso: para inspirar e motivar! Quem sabe um dia correremos uma provinha juntas? Beijo enorme!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *